Ideia Ampla | por Paulinha Dias

Voltando aos cachos - Motivacional

E a gente passa a vida toda querendo mudar.

As pessoas que tem os cabelos cacheados, querem eles lisos; as que tem eles lisos, querem cacheados;as que tem o cabelo com muito volume, querem que eles tenham poucos; as pessoas baixas querem ser altas; as altas querem ser baixas e por aí vai. 


Nunca estamos contentes com o que somos e as vezes essa busca por "mudança" é um tanto exagerada, chegando até a ser prejudicial a nossa saúde.

Compre "tal remédio" e você irá emagrecer 10kg em uma semana, sem precisar de regime ou ir na academia!

Compre "tal produto", que seu cabelo irá crescer 10cm por mês!

Faça "tal oração", que você encontrará o amor da sua vida! 

Milagres existem sim, mas não vamos exagerar; uma coisa é certa: se você quer algo, você tem que se esforçar e ir atras. Não exitem formulas magicas, porções milagrosas o que existe é algo chamado "força de vontade"; vamos deixar a imaginação para Harry Potter.

Hoje vejo muitas meninas querendo deixar a progressiva de lado e assumir o seu cabelo "cacheado". Só que quem já passou ou está passando pela fase de deixar o cabelo crescer sem química (transição capilar); sabe que lidar com duas texturas não é nada fácil. 

As vezes você fica com sua auto estima meio abalada, quer desaparecer e só voltar quando o seu cabelo estiver "divonico"

 Resultado de imagem para gato disfarçado

E para piorar uma vez ou outra ainda aparece alguém que lhe "ama" e diz que você anda desleixado com sua aparência, que não está cuidando mais do seu cabelo, que precisa ir urgentemente à um salão da um trato no visual.

Criticas, criticas e mais criticas, que por mais que digamos que não nos importa elas também acabam nos deixando um pouco para baixo.


Resultado de imagem para gato disfarçado

Mas você tem um objetivo, uma meta a ser alcançada, e a maior luta que você tem que travar não é com as pessoas que estão ao seu redor, mas com você mesmo. Você tem que se enxergar como realmente é, você tem que se aceitar. 

Resultado de imagem para gato disfarçado

A partir do momento que você se aceita, aí que a sua mudança começa acontecer. Uma mudança não para te tornar algo que você não é, mas para te tornar o melhor que você pode ser.

E que felicidade é, quando você chega lá. E todas aquelas criticas que você ouviu se transformam em elogios, que maravilha é quando você se olha no espelho e se sente bonita, naquele momento, tudo vale a pena, toda a sua paciência, determinação...

E você percebe que todo aquele tempo de espera, não foi tão terrível assim, e que naquela espera o tempo te amadureceu e fez você mudar, não só o cabelo, mas toda a forma como você se via.

Resultado de imagem para gato sorrindo


Agora, aquele cabelo que tantas vezes foi motivo de tristeza, hoje só traz alegrias.

E você agora é motivo de inspiração para outras pessoas, vale a pena!

Vale a pena fazer o que realmente você tem vontade de fazer, vale a pena deixar de ser escrava dos esterótipos que fomos forçados a valorizar desde a nossa terna infância.

Você realmente pode ser como quiser, mas você aprende a respeitar seus limites. Você aprende que a unica pessoa que pode cuidar de você é você mesma. E que ninguém, não importa a faculdade que faça, irá entender mais de você e dos seus limites do que você mesmo.Você aprende que você a unica pessoa que sabe o que será melhor para você.

E agora você é livre! Livre para fazer o que tem vontade.


Resultado de imagem para liberdade gato

Leia Mais ►

Como as ondas no mar

Resultado de imagem para como uma onda no mar


A vida é como um banho no mar, 
as vezes tudo parece calmo,
a brisa suave e gostosa faz a gente relaxar
e as vezes até nos acomodarmos.

E quando menos esperamos 
vem uma onda.
Se você estiver atento
a aquela onda servirá de impulso.
Mas se você não estiver preparado 
Você pode se machucar feio.

Ondas e mais ondas...

As ondas da vida nunca param.

Não importa qual seja sua idade,
não importa se esse é o momento 
mais feliz de sua vida.

A unica certeza que podemos ter
é que as ondas vão aparecer
em algum momento.

E se você não estiver preparado,
aquela onda pode ser o seu fim.

(Paula Dias)

Leia Mais ►

O dia



A cada abrir e fechar de olhos,
sinto que o dia que mais temo,
esta prestes a chegar.

Há alguns anos diria que o que mais temo na vida
seria algo completamente diferente,
até mesmo infantil,
mas descubro que o que mais temo
é algo na verdade fútil.

E a cada nascer e por do sol,
esta mais próximo.

Cada nascer e por do sol,
o aperto no meu coração aumenta.

Sei que posso simplesmente parar,
fugir e não querer ver esse dia chegar,
mas algo faz com que fique como uma telespectadora,
que assiste a reprise da novela e mesmo assim, ainda torce
para que o final mude.

Talvez esse dia se faça tão temido, por que nesse dia
todas as minhas esperanças vão morrer.

Paula Dias
Leia Mais ►

Mulher do espelho

De repente, acordo,
olho no espelho.

Contudo, a imagem refletida
não me é familiar.
Aquela pessoa no espelho
é uma estranha.

Cada traço, expressão facial...
Nunca vi antes.
Uns olhos me fitam profundamente,
mas não os conheço.

Os cabelos grisalhos
se misturam
com os fios castanho-claros que restam,
mas nada dizem.

Não conheço essa pessoa do espelho.
Percebo-a triste.
Alguma coisa a incomoda
e faz com que seu semblante se torne turvo.

Não me atrevo a perguntar,
tenho pena dessa pessoa do espelho.
Ela tem cara de poucos amigos
e de quem gosta de pouca conversa.

Observo atenciosamente a imagem refletida no espelho
e me surpreendo com uma descoberta:
a mulher do espelho
que, com sua aparência, tanto me inquietou
sou eu

De repente, olho-me no espelho
e descubro que não me conheço mais.

(Paula Dias)

Leia Mais ►

Voltando aos cachos - Aceitação!


Olá pessoal, vou falar um pouquinho sobre a minha transição capilar.Como disse em há algum
tempinho, estava deixando meu cabelo voltar ao natural(sem química transformadora), essa ideia venho amadurecendo desde 2012; no entanto na época queria apenas deixar ele cacheado, não necessariamente natural.

Por que queria deixar ele com cachos? Por que sempre achei bonito cabelos cacheados e com volume, e adorava a ideia de poder usar ele escovado e natural; só que aprendi com essa "cultura do liso" que meu cabelo era duro, e que só ficaria bonito com produtos. 

Escovo o meu cabelo desde os 06 anos e química nem me lembro quando comecei a usar. Nunca realmente tinha visto meu cabelo natural, nunca tinha visto meu cabelo sem químicas.Então no final de 2013 cortei a parte que não cacheava no meu cabelo, mas aí resolvi dar luzes, o que acabou desfazendo os cachos. Segundo a cabeleireira era por que meu cabelo era muito frágil e já dava relaxamento. Sinceramente no começo amei, mas depois meu cabelo não ficou gatinho não. 

No finalzinho de 2014 decidi que seria a ultima vez que daria química no meu cabelo, e que deixaria ele natural, queria ter um cabelo saudável, me sair dos salões e poder cuidar dele em casa.

Comecei a fazer pesquisas sobre cabelo natural e conheci vários canais no youtube que falavam sobre isso, aprendi que aquilo que estava passando se chamava "transição capilar" e vários outros nomes desse mundo dos cabelos crespos e cacheados. 

Os canais que comecei acompanhar no youtube foram: Priscila Silva, Rayza Nicácio, Joyce Carter e Mari Morena, assisti praticamente todos os vídeos delas; fiz pesquisas de como cuidar de cabelos crespos, penteados, hidratações. Conheci as técnicas NO e LOW POO, e a coloquei como data marco o inicio da minha transição 21/03/2015, quando sabia o que realmente iria fazer e que inciei o Low poo.

Durante o período de transição não fiquei apavorada com o volume na raiz, ficava feliz em ver meu cachinhos brotando, uma felicidade que só! Testava varias hidratações caseiras, fazia muitas texturizações e tranças. Comecei a escovar o cabelo apenas uma vez no mês, até que praticamente parei.

Tinha colocado como meta que iria fazer o BC (grande corte), no mês de agosto quando completaria um pouco mais de um ano e seis meses; mas já não tinha mais paciência para fazer texturizações, não tava me sentindo bem com as duas texturas, então no dia 26/03/2016, fiz o grande corte!

Sinceramente foi a melhor coisa que fiz na minha vida, a sensação de liberdade e leveza, poder realmente saber como era meu cabelo depois de tantos anos.Com certeza foi a melhor coisa que já fiz na minha vida, pois quando me olho no espelho sei que o cabelo me representa em todas as minhas peculiaridades.

Não vou me tornar a louca dos cachos, mas hoje sou livre! Posso usar meu cabelo do jeito que me apraz. Não tenho o cachos perfeitos nem é o cabelo mais bonito do mundo, mas é meu cabelo! 

O que acho engraçado é que nunca pensei que uma simples mudança no cabelo fosse "causar" tanto, quando fiquei loira, todos me elogiaram falaram que era a minha cara, mas agora que estou aceitando o meu cabelo como "Deus me deu", as pessoas me dizem que esta feio, que alisado é mais minha cara, que...  As poucas pessoas que me dizem que tenho que usar o cabelo do jeito que me sentir bem, muito obrigada, isso sim é um comentário que faz diferença.

Ainda estou aprendendo a cuidar dos meus cabelos, quais são os cremes que ele gosta mais e hidratando para fortalecer. O que tenho a dizer para quem está em transição e pretende deixar o cabelo natural: VALE A PENA!

E só para constar, cabelos cacheados e crespos não é moda. É aceitação! Você pode ser o que quiser e como quiser, não é essa sociedade ditadora e capitalista que vai dizer o que é melhor para você. 

SEJA LIVRE, SEJA VOCÊ! 




Leia Mais ►

LEVANTE DO MEIO AMBIENTE




Constantemente o tema meio ambiente vem tomando destaque nas discussões e debates que acontecem no país e no mundo. Todos têm uma resposta para o que está acontecendo com a natureza; uma solução infalível para extinguir o desmatamento, queimadas, seca, enchentes excesso de lixo, derramamento de gases poluentes e desta forma promover uma vida sustentável. 

Torna-se cada vez mais freqüentes os desastres da natureza, (AZEVEDO, 2010 p.96)“As chuvas fizeram morros desabarem em santa Catarina e no Rio de janeiro, destruíram os casarões de São Luiz do Paraitinga, a 187 quilômetros de São Paulo”. 

A natureza está reagindo aos ataques do seres humanos, a ambição dos homens levou-o a agredir a natureza sem medir as conseqüências de suas ações, o que hoje assistimos é apenas o resultado da avidez desmedida. 

Na escola o tema meio ambiente, não deve ser discutido com apenas mais um conteúdo, esse assunto tem que ser levado a serio, os educandos devem perceber que mais do que sabermos a importância da natureza precisamos tomar atitudes concretas para preserva – lá, pois se continuarmos a manter essa postura apática, o meio ambiente desaparecerá e junto com ele toda a raça humana.


Leia Mais ►

A importância da pontuação em um texto

Quando conversamos somos avaliados pelos interlocutores, o tom da nossa voz, expressões e outros sinais que transmitimos durante uma conversa.

Só que nem sempre quem fala bem, escreve bem!

E essa pedrinha no sapato na hora de escrever, pode ser apenas uma ou várias.

A bendita pedra que iremos falar hoje é a pontuação. Como minha professora dizia: a pontuação em um texto é como se fosse as expressões que uma pessoa faz ao conversar. Então, um texto não é tão parado quanto pensamos; e a pontuação juntamente com as palavras que usamos que dão o toque especial, a personalidade, o movimento e a vida ao texto.


Imaginem a cena: você + a redação do vestibular e/ou concurso + como colocar corretamente a pontuação no texto.


Hum! Provavelmente, vocês já imaginam o resultado.

Por que falar de algo que parece que todo mundo sabe? Porque aparências enganam e tem muitas pessoas (assim como eu) que ainda quebram a cabeça ao colocar a pontuação correta em um texto, ou seja, ora colocamos onde não deveríamos, ora não colocamos.


Partindo do pressuposto, que ainda temos muitas dúvidas sobre como pontuar corretamente um texto. Vamos fazer uma séries de postagens explicando o assunto de uma forma mais coloquial, para que seja possível aprender um pouco mais sobre o assunto.

Vou logo explicando: não faço parte da "Academia Brasileira de letras!
Então não esperem uma explicação toda elaborada, esmiuçada e sem falhas. Vou tentar explicar aqui para vocês o que aprendi pesquisando na internet, assistindo alguns vídeos e lendo em alguns livros.

Se continuarem com dúvidas, procure outras dicas na internet e até mesmo procure um professor especializado.

Um xero! Aguardem postagens sobre o tema.


Só para sentir o drama, tentem resolver esse desafio!






Leia Mais ►

Educação especial



Ao fazermos uma breve análise da educação especial no decorrer da história, notamos que durante muito tempo ela era inexistente ou apresentada um caráter assistencialista.A pessoa portadora de deficiência não era vista como um cidadão comum, eram mantidas aprisionadas e excluídas da sociedade desde a mais terna infância.
Com o passar do tempo ocorreram mudanças significantes, mas que ainda estavam distantes do que se almejava, “a pessoa ser vista: nem como herói nem vitima, nem deus nem demônio,nem melhor nem pior, nem super-homem nem animal.Pessoa.(AMARAL, 1994,p.15).
Percebe-se que quando falamos em pessoas com necessidades especiais, um percentual expressivo de pessoas vêem-nas como incapazes de obter conhecimento, incapazes de pensar, pondo-lhes na condição de estorvo. No entanto é preciso compreender que todos temos as nossas limitações, e pessoas com necessidades especiais, como o próprio nome diz, tem apenas "necessidades especiais". 
No que se diz respeito a  educação no Brasil, esta só contempla  crianças e jovens ditos “normais”. A educação de alunos que têm necessidades especiais é praticamente nula; o sistema educacional esta engessado, tratam-os como diferentes, anormais, sendo que deveriam-nos apenas respeitar as suas diferenças e auxilia-los.
Escola especial não deveria ser só aquela com  um projeto político pedagógico que possibilite o conhecimento das diferentes áreas mediantes a utilização de caminhos, recursos e estratégias alternativas que possibilitem o alargamento das capacidades cognitivas dos seus alunos.
Para pessoa com necessidades especiais apropria-se da linguagem escrita, por exemplo, pode significar um importante salto no desenvolvimento resultando em mais um instrumento de interação social, pois a expectativa de todo ser humano é de se apropriar do conhecimento sistematizado que é ensinado no espaço escolar.
 A pessoa portadora de deficiência tem sonhos como qualquer outra pessoa, e deve-lhe ser conferido o direito de realizá-los, a educação é direito de todos, todos são iguais perante a lei, e o deficiente tem que ter seus direitos garantidos.


Leia Mais ►

Quem educa seu filho?




Considerada um dos maiores meios de comunicação e informação, acessível a nove em cada dez brasileiros, torna-se a mais nova vilã de nossa contemporaneidade.As pessoas ficam mais tempo sentadas em frente a uma televisão do que conversando com amigos e familiares. 

É comum vermos famílias, que dizem com orgulho que reúnem-se todos os dias para assistir, uma novela ou um programa qualquer.Telespectadores passivos, que assimilam tudo o que é transmitido, sem nenhum senso critico. 

Nunca as pessoas estiveram tão próximas uma das outras, e ao mesmo tempo tão distantes.Hoje tornou-se fácil saber o que se acontece do outro lado do mundo, mas não há essa mesma facilidade em saber-se, o que acontece em nossas casas, com a nossa família e principalmente, com os nossos filhos.

A televisão nos apresenta um estereótipo, um padrão de vida que poucos tem condição de manter; e as pessoas buscam esse padrão a qualquer custo, passando por cima de seus valores e princípios fundamentais. 

Famílias desestruturadas, jovens anoréxicos,valorização da promiscuidade, incentivo ao racismo e preconceito, manipulação politica, tudo isso e muito mais é proposto pela televisão, e nós cidadãos não nos manifestamos a esse respeito. Tornamo-nos cúmplices e o pior somos nós, os coo-particionadores dessa trivialidade. 

Os pais deixam seus filhos horas e horas em frente a televisão, sem fazer previamente um controle sobre quais os programas mais adequados a faixa etária, deixando isso a mercê de "sei lá quem"; há ainda aqueles que fazendo mimos a seus filhos, colocam televisões em seus quartos, esquecendo-se de os acompanharem para tirarem eventuais duvidas. 

Os pais educam, a escola educa e a “televisão”, faz com que toda essa educação desapareça, programando as nossas crianças há serem grandes capitalistas/consumistas em potencial. 

Em quantos formos negligentes a respeito da programação televisiva e indiferente ao que acontece em nossas famílias,os problemas de nossa sociedade tenderão a piorar.O dialogo é saudável, e não pode ser deixado em segundo plano, ter um olhar critico é indispensável e não podemos deixar que outrem ditem o que é melhor e necessário para que tenhamos uma vida com qualidade.


Leia Mais ►

Um canto novo!


Ouvir boas musicas lavam a alma, mas ouvir uma musica na qual o interprete consegue fazer com que as palavras tomem vida, sinceramente, não tem preço.


Esse mês me senti a pessoa mais desconectada do universo, conheci uma voz, uma interpretação — uma cantora de verdade — Isabella Taviani!


É provável que já tenha escutado a sua voz em algum lugar, ou até mesmo na TV ou rádio, mas é aquela : "a gente escuta, mas nem sempre a gente ouvi". 

A voz dessa mulher é um deleite para meus ouvidos, e que interpretação! 

É muito bom saber que tem cantores e compositores de tal calibre em nosso país, e isso faz a gente sentir orgulho de ser brasileiro. :-D

Cantores assim, deveriam ter espaço para divulgar seus trabalhos.Fico imaginando quantas "Marias, Chicos, Nandos, Humbertos, Grabrieis" tem escondido por Brasil a fora; uma grande pena tantas pessoas talentosas escondidas e sem oportunidade.

Ao meu ver, cantor de verdade não é só uma pessoa que tem a voz bonita e não desafina, mas aquele que consegue fazer de uma canção antiga uma canção nova. Que faz a gente ouvir e sentir a música.



"Eu não te prometi nada
Você foi tola apaixonada
Eu nunca disse que te amava
Não quero, não vou
É verdade acabou
O vento de lá não bate aqui
Eu tenho outras estradas pra seguir
Será que é preciso repetir
É melhor você partir
Acabou, acabou"


(Um Vendaval - Isabella Taviani) Site




Leia Mais ►

A PUBLICIDADE E O PAPEL QUE DESEMPENHA NA VIDA DAS PESSOAS



Os anúncios e propagandas vem conseguindo um lugar de destaque na vida das pessoas, exercendo influências sobre suas atitudes.As classes dominantes utilizam-se da publicidade para controlar e manipular os mais desprovidos.

Você já comprou um perfume ou um vestido, só porque viu passar na televisão ou revista?
A resposta da maioria da pessoas é sim, mas nem sempre elas ficam satisfeitas com o produto; pois não tinham necessidade de obtê-lo e compram por impulso.

Hoje as campanhas publicitárias são tão bem elaboradas, que muitas pessoas são enganadas. "Compram água pensando que é vinho; elegem vilões pensando que são mocinhos."

São muitas as pessoas que são vitimas de propaganda enganosas em nosso país.Os consumidores são vulneráveis, a propaganda mexe com a mente das pessoas, dita moda e diz oque você precisa, antes mesmo de você precisar.

As pessoas são vulneráveis, porquê não foram educadas financeiramente; nem pelos pais nem pelas escolas. Em consequência o número de pessoas endividadas só cresce.

É preciso que antes de adquirir um produto, se reflita sobre se realmente você precisa dele.

PESQUISE, COMPARE E PENSE!

Leia Mais ►

O DESPERTAR - Diários do Vampiro

Titulo Original: The Awakening

Diários do Vampiro Livro 01
ISBN-13: 9788501400345
ISBN-10: 8501400343
Ano: 2009 / Páginas: 240
Idioma: português 
Editora: Galera Record

Sobre a autora : Lisa Jane Smith

Gêneros: Fantasia, Romance, Aventura, Suspense 
Local: Estados Unidos
Lisa Jane Smith, mais conhecida pela abreviação L. J. Smith, é uma escritora americana que vive na Califórnia. Seus livros de literatura jovem/adulta e combinam uma infinidade de gêneros, incluindo o horror, ficção científica, fantasia e romance.

Resenha - Elena Gilbert ao voltar para a cidade e casa em que que viveu toda a sua vida, não reconhece mais, ali, onde passará tantos momentos agradáveis com a sua família, não era mais o seu lar. Era engraçado conhecer todos os cômodos, todos os objetos, ruas e sentir que já não pertencia aquele ambiente. A morte de seus pais em um acidente de carro mudara completamente sua vida. 

Ela tinha a sua irmã de quatro anos e a sua tia Judith que abandonara sua carreira para cuidar dela, mas faltava algo. Em seu peito havia um buraco que a sua vida fútil de adolescente popular já não era capaz de preencher.

Tudo realmente estava diferente, e até os céus sabia que algo de extraordinário estava prestes à acontecer.

Está é minha cama, minha cadeira, minha cômoda.
Mas neste momento tudo me parece estranho, como se não fosse o meu lugar. Eu é que estou deslocada. E o pior é que sinto que pertenço a algum lugar, mas não consigo descobrir qual é.

(Elena Gilbert )

Mas ela tinha que agir como se tudo estivesse bem, seus amigos da escola, sua familia precisava dela. E ela tinha que manter o seu trono de "Diva". Linda, loira e magra, qualquer homem era uma presa fácil. Ninguém jamais resistira a seus encantos. Matt estava namorando com ela, mas o tempo que ela passou viajando, percebeu que ele era o garoto mais amavél, o sonho de consumo de qualquer mulher. Menos o dela, pois ela percebeu que o que sentia por ele não passava de amizade.

Sua melhores amigas eram Meredith, Bonnie e Caroline, no entanto ela percebeu que a competição que tinha com Caroline desde a infância estava criando entre elas um distanciamento cada vez maior.

Um aluno novato chamou sua atenção, não por causa do Porsche 911 turbo preto, mas por causa do ar misterioso. No exato momento que Elena viu aquele aluno, seu instinto de caçadora veio a tona,ela queria saber tudo sobre aquele homem. Ele seria seu!

Stefan era mais do que um garoto que sabia se vestir bem e com ar de aristocrata, ele tinha segredos. Segredos que Elena Gilbert, jamais poderia imaginar! 

Ele a ignorou, mas ela já havia se decidido Stefan Salvatore seria seu! Não é uma história apenas uma história de uma jovem garota que se apaixona por um homem bonito. É uma história que começou há quatrocentos anos, e que encontrou na cidade de Fell Church estopim, passado e presente se confrontam. 

Stefan Salvatore e Elena Gilbert, não podem fugir. Tudo foi predestinado para acontecer e Stefan ver os seus "fantasmas" reaparecerem. Agora terá que enfrentar as suas trevas, para viver esse amor.Só que isso não será tão fácil assim; seu rival, inimigo e irmão fará de tudo para ludibriar a mulher que ele ama.


Comentários sobre o livro: Nossa! Sou uma fã de carteirinha da série "The Vampire Diaries" e desde o primeiro capitulo do livro, foi surpresa atras de surpresa, muito diferente as características físicas e algumas personalidades dos personagens. É um livro de fácil compreensão, o enredo muito bem elaborado não deixando que fiquemos dispersos. Até então... gostando mais do livro do que da série.


E vocês, já leram esse livro? O que acharam?





Leia Mais ►

Emaranhado de palavras



Um texto é mais que um emaranhado de palavras, o leitor ao entrar em contato com texto pode entende-lo ou não, mas mesmo assim absorverá alguma coisa. Duas pessoas ao lerem um mesmo texto entendem de formas completamente diferentes, pois associam a leitura do texto as suas experiencias de vida e convicções. 

De certa forma um texto não obedece a uma estrutura pré-definida, pois até mesmo uma curta frase, pode trazer um significado, visto que nos transmiti uma informação.A produção textual é uma atividade verbal, consciente  criativa e interacionalista. 

Quando lemos um texto, este também passa a fazer parte de nós, ficando estocados em nossas memorias e quando nos deparamos com algumas situações é como se um dispositivo fosse acionado e todas as informações viessem a tona. 

“O sentido não está no texto, mas se constrói apartir dele”(KOCH,1992) o texto é dinâmico, por isso é necessário uma interação entre o texto e o leitor, a coerência do texto que faz com que aconteça uma comunicação. 


Leia Mais ►

Simplesmente "eu"!






Sou menina,
sou mulher.

Sou um amontoado de pensamentos,
perguntas e duvidas.

Sou a inconstância dos inconstantes.

Sou hoje, um pouco do que fiz ontem.


Sou o que amo.
E amo...o que sou!



(Paula Dias)


Leia Mais ►

Cabelo crespo é cabelo ruim?



—Você  realmente já parou para pensar porquê você alisa, escova e prancha seu cabelo? 
—Você conhece como é o fio natural do seu cabelo?

Essa é a pergunta que hoje com meus 26 anos me faço: Por que alisava meus cabelos? Sinceramente alisar meus cabelos não era algo que fazia racionalmente, era automático, só me sentia bem arrumada se meus cabelos estivessem escovados.

Passei a vida toda aprendendo, que cabelo crespo é cabelo ruim; que tenho que alisar o cabelo, por que meu cabelo é feio e mal cuidado naturalmente; que não existe no mercado de cosméticos cremes, para cuidar de cabelos ruins(crespo); a única coisa que posso fazer para meus cabelos ficarem apresentáveis é usar químicas transformadoras.

Não, você não pode usar seu cabelo naturalmente, a sua unica alternativa para ser aceita na "sociedade" e ser considerada uma pessoa que sabe cuidar de seus cabelos é você alisar, escovar e pranchar.

— "Penteia esse cabelo, tem uns fios arrepiados."

—"Vai parar de dar química no cabelo?Você tá é doida! Seu cabelo vai ficar igual cabelo de bruxa!"

—"Você já ouviu falar em progressiva? Faz uma escova no seu cabelo, assim você fica arrumada."

— "Não tem namorado? Também pudera, com um cabelo desses!"

— "Se pegar piolho vai ter que raspar os cabelos, isso aí parece uma mata!"

Quem tem os cabelos crespo e cacheado, já ouviu isso pelo menos uma vez na vida. E isso, é triste! Por que lhe roubam o direito de escolher o que é melhor para você desde a infância. Retiram as suas características pessoais, para te colocarem em um padrão que não lhe cabe. 

Nós mulheres somos reféns da ditadura da beleza há séculos, e na maioria das vezes nem percebemos que estamos apenas reproduzindo os dizeres e preconceitos dos nossos antepassados sem ao menos pensar a respeito.


Na china pés pequenos era sinal de graça e beleza; para entrar nesses padrões quem tinha pés pequenos se mutilava. Isso tudo era lindo!Era moda na época. Mulher de pés pequenos entre 7 a 10 cm, essas sim, eram bonitas e serviam para casar.
  
(Bolsa de mulher - Fonte)
Na Thailandia as mulheres para serem mais bonitas e elegantes, tem que ter os pescoços compridos. Pescoço de girafa, como são chamadas.


(Jornal Jr Fonte)

Tudo bem, né? É a cultura deles! 

Mas e porquê você alisa o cabelo mesmo? Quando foi que escolheu isso? Quando foi que realmente entendeu como cuidar de seu cabelo, e que ele está em sua cabeça do jeitinho que é, tem algum motivo. 



Mulher sofre para ficar bonita? Nasceu de cabelo ruim, não tem escolha! 



São esses padrões de beleza invasivos, que não respeitam as individualidades que acabam por destruir a imagem e auto estima das pessoas.Você tem o direito a escolher o que é melhor para você. 

Se gosta de cabelos cacheados e crespo, use-os assim, não por que está na moda. A moda passa! Quer ter os cabelos alisados, use-os dessa forma, mas você que tem que ESCOLHER.

Se você tem uma filha com cabelos crespos ou cacheados, não usurpe o direito dela escolher como se sente melhor; espere que ela chegue a uma idade que tenha discernimento suficiente para escolher como se sente melhor.

Cabelos crespos, não são ruim! Ruim é seus conceitos, preconceitos, sua falta de conhecimento. Ninguém é igual a ninguém, temos que buscar ser felizes do jeito que somos. Não somos perfeitos, a moda, ela foi criada para melhorar a nossa imagem; não para ditar o que é bonito e o que é feio.

Quando pensar em alisar seus cabelos, antes, pense o porquê você está fazendo isso! Você não precisa alisar seu cabelos, a unica coisa que realmente você precisa fazer: é aprender a cuidar deles.

Aceite que cada cabelo tem uma textura diferente e curta isso.Você é única! Linda! E os outros? Não se importe com eles, a única coisa que importa é o que você pensa de si.





Leia Mais ►

Onde os fracos não tem vez

"Suspense com consequência de perseguição de tirar o fôlego." - Portal G1


Título Original: No Country for Old Men 
Ano produção: 2007
Dirigido por: Ethan Coen  Joel Coen
Estreia: 1 de Fevereiro de 2008 ( Brasil ) 
Duração: 122 minutos
Classificação 16 - Não recomendado para menores de 16 anos
Gênero: Drama Policial Suspense

Sinopse: Os aclamados cineastas Joel e Ethan Coen trazem seu mais envolvente e ambicioso filme, neste fumegante e supercarregado suspense de ação. Quando um homem depara com a sangrenta cena de um crime, uma caminhonete carregada de heroína e irresistíveis dois milhões de dólares, sua decisão de levar o dinheiro deflagra uma interminável e violenta reação em cadeia, que nem a lei do Oeste do Texas pode deter. Baseado no livro de Cormac McCarthy, autor premiado com o Pulitzer, e apresentando um elogiado elenco liderado por Tommy Lee Jones, este empolgante jogo de gato e rato vai deixá-lo na maior tensão até o momento final, de fazer parar o coração.


Comentários pessoais:

"Este empolgante jogo de gato e rato vai deixá-lo na maior tensão até o momento final, de fazer parar o coração." 

Nossa, que filme chato.Não consegui assistir mais do que 37 min, não senti nenhuma tensão, nem suspense, nem nada. CHATO! Defino esse filme nessa palavra.

Para os admiradores, sorry*, vou considerar que esse filme em 2007 bombou para ser indicado ao Oscar, mas não recomendo.




Já assistiu o filme?O que achou?

Leia Mais ►

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *